Home/ Editorias/ Empreendedorismo/ Crise: assessoria de imprensa no corpo de bombeiros. 8

Crise: assessoria de imprensa não corpo de bombeiros.

Regina Ramalho177Na coluna desta semana a gestora de comunicação Regina Ramalho, fala sobre administração e crise. 
 
Publicado: 02/06/15
Colunista:Regina Ramalho, jornalista, jurista, cerimonialistae gestora especializada em comunicação estratgica e construção de imagens.
Foto:Edi SousaeNalva Lima Studio Artes
 
Escreve-se muito sobre crise e a importância de contar com a assessoria de imprensa nestes momentos.  Realmente sou obrigada a concordar que contar com o apoio e orientação de um profissional nestes momentos pode ser bem valioso.
 
importante lembrar que assessoria de imprensa não "corpo de bombeiros" que se chama para apagar o fogo na hora que o incêndio j se alastrou ou que a fumaça começa alarmar as pessoas.
 
A assessoria de imprensa não resolve questões da m administração das empresas e das instituições, isto função dos administradores. 
Portanto quando uma empresa ou instituição, ou uma celebridade for pego com as ‘calças na mão’ por mau planejamento  ou execução de ações, falha no produto, ou no atendimento s pessoas, o primeiro passo deve ser reunir seus gestores e melhorar o produto ou serviço e pensar e agir de forma a corrigir as falhas. 
 
S depois, que junto com os assessores, algo realmente pode ser feito. Isso , a organização da forma de comunicar as providências e mudanças ao seu pblico. 
 
Aqui vale recomendar, que discursos do tipo: Todos fazem isso! Foi sempre assim! intriga, coisa da oposição!
São argumentos que não ajudam em nada a solucionar os problemas. Sendo apenas uma tentativa vazia, de ‘tapar o sol com a peneira’. 
 
Comunicação slida e de credibilidade algo que se constri junto e leva tempo! Por isso quando o assunto crise vale as mesmas recomendações do corpo de bombeiros: A melhor coisa a prevenção!
 
At o prximo artigo. 
 
Outras informações:
 www.anigercomunicacao.com.br
11-4328-9551