Home/ Editorias/ Diversidade/ Lei Brasileira da Incluso e o mercado de trabalho das pessoas com deficincia 4

Lei Brasileira da Inclusão e o mercado de trabalho das pessoas com deficiência

Descrição de Imagem: Mara Gabrilli foi fotografada de lado, esta com os cabelos soltos, um vestido de estampa florida colado ao corpo e fala sobre a Lei Brasileira da Inclusão. Fim da descrição de Imagem

Sancionada este mês, a LBI, que segundo a Mara Gabrilli traz avanços significativos para as pessoas com deficiência: “Diferente de ficar em casa, recebendo benefcios de subsistência do Estado, a pessoa com deficiência ter direito a um suporte financeiro para se tornar ativa na sociedade. Com isso, passar de beneficiada para contribuinte, como todo trabalhador”, afirma. 
 
 
Publicado: 15/07/15
Foto: Edi Sousa e Nalva Lima Studio Artes
Colunista: Mara Gabrilli publicitria, psicloga, deputada federal pelo PSDB, fundou em 1997, o Instituto Mara Gabrilli, OSCIP que apoia atletas com deficiência, promove o Desenho Universal, fomenta pesquisas cientficas e projetos culturais. 
 
Aps 15 anos em tramitação, finalmente foi sancionada a Lei Brasileira da Inclusão, antigo Estatuto da Pessoa com Deficiência. De autoria do senador Paulo Paim, o projeto chegou s minhas mãos em 2012, quando fui designada relatora do texto na Câmara e junto com a sociedade civil iniciamos um processo de construção coletiva, tendo como base a Convenção da ONU sobre os Direitos da Pessoa com Deficiência.
 
A meu pedido, o texto foi aberto para a consulta pblica atravs do portal e-Democracia, que, pela primeira vez, promoveu a discussão de um projeto voltado para esta temtica em uma plataforma acessvel para que os cidadãos com deficiência visual, de maneira autônoma, pudessem sugerir modificações e fazer alterações diretas redação do texto.
 
Outro avanço na participação cidadã se d pelas 90 pginas do texto convertidos em formato de vdeo com a tradução em Libras, disponibilizados pela TV Câmara. Alm dessas ferramentas, aconteceram encontros regionais para ouvir frente a frente as demandas da população promovidos por deputados de diversos Estados e partidos, seguindo as orientações de um material de apoio que preparamos e est disponvel no site para download. A democracia de fato foi colocada em prtica no Brasil e dessa vez foi motivada pelas pessoas com deficiência.
 
Não podemos deixar de falar dos diversos eventos regionais para ouvir frente a frente as demandas da população. Tive a honra de promover muitas dessas audiências e ouvir de perto as necessidades e os anseios daqueles que por muitas dcadas foram colocados margem de qualquer discussão de polticas publicas.
 
Hoje, com a Lei Brasileira da Inclusão sancionada, podemos vislumbrar um futuro melhor para o brasileiro com deficiência no que tange tambm o mercado de trabalho. Apesar da presidente Dilma ter vetado a obrigação da contratação de pelo menos uma pessoa com deficiência por empresas com 50 a 99 funcionrios, conseguimos manter o direito ao Auxlio Inclusão.
 
Diferente de ficar em casa, recebendo benefcios de subsistência do Estado, a pessoa com deficiência ter direito a um suporte financeiro para se tornar ativa na sociedade. Com isso, passar de beneficiada para contribuinte, como todo trabalhador. O Auxlio Inclusão funcionar como uma renda suplementar ser concedida pessoa com deficiência que ingressar no mercado de trabalho.
Com isso, a Previdência do pas deixar de apenas arcar com benefcios integrais para milhões de pessoas e passar a receber a contribuição desses trabalhadores. Um estmulo para que esse funcionrio arque com os custos de sua deficiência, como transporte adaptado, rteses, prteses e outras tecnologias assistivas. 
Ainda na LBI, reafirmamos a importância do processo de inclusão dentro das empresas, que ainda que ofereçam capacitação profissional, não poderão deixar de garantir a participação da pessoa com deficiência no desenvolvimento prtico de suas funções. Ou seja, a capacitação dever acontecer simultaneamente inclusão no trabalho, desde o incio do processo.
Algumas empresas j entenderam que crescer em nmeros tambm evoluir em capital humano. Outras tantas ainda têm muito a fazer e aprender. A Lei Brasileira da Inclusão vem para reafirmar direitos e fortalecer o pensamento dentro das companhias de que investir na diversidade humana uma grande contratação.
 
Outras informações: 
 
 http://maragabrilli.com.br/
www.facebook.com/maragabrilli