Home/ Editorias/ Empreendedorismo/ De dentro para fora 53

De dentro para fora

Na edição desta semana o professor Wanderley Rodrigues Junior, fala sobre os efeitos positivos ou desastrosos no desempenho da equipe em razão do equilbrio o desequilbrio das lideranças. 
 
Wanderley 2016Publicado-30-04-15
Colunista-Wanderley Rodrigues Junior, bacharel em Letras, tradutor e intrprete, coordenou a Academia de Micro-finanças do Banco São Paulo Confia, realizou cerca de 27 mil capacitações em empreendedorismo, micro-finanças e marketing pessoal. Atualmente ministra palestras sobre empreendedorismo, marketing Pessoal e lngua portuguesa para concursos pblicos.
Foto- Edi Souza e Nalva Lima
 
“Mudar preciso”, conforme o famoso e sbio dito popular. Quem proferiu, h muito tempo, estas curtas palavras j estava imbudo do esprito empreendedor.
Quando a situação aperta ou quer justificar-se pelas falhas cometidas e existentes, muitos empreendedores acreditam que a terceirização da culpa a sada mais fcil e vivel para a solução dos problemas. Acreditar que ningum seguiu rigorosamente as suas ordens e da resultaram os prejuzos extremamente confortvel.
 
Pense bem: o mundo exterior, o que acontece sua volta, puramente reflexo daquilo que você emana. E principalmente aqueles que lhe ladeiam.
Você chega ao seu empreendimento sempre sorridente e receptivo? Note que o ar sempre estar leve, colaboradores em harmonia e tudo flui muito bem at o final do dia. Entre qualquer dia desses com a cara fechada, sem cumprimentar ningum, de culos escuros e testa franzida e note discretamente a mudança no comportamento de todo o local de trabalho. Ar pesado, muitos cochichos, murmrios com olhares atentos sala do chefe, praticamente todos com o extermnio do sorriso do rosto e uma enorme interrogação marcada na testa de cada um.
 
Então para que semear e cultivar nveis estressantes se se pode construir um clima agradvel e mais produtivo? Sim, porque em tudo que se põe a alegria e amor quilo que se faz, agrega-se a energia positiva e, mesmo que rotineiro, o dia transcorre na mais pura suavidade e agradabilidade.
De catico e estressante j basta o mundo exterior!
 
Eu sei que nem sempre fcil manter-se em estado de alegria e pura felicidade, mas mudanças são necessrias para que todos entrem e fiquem na mesma sintonia de cordialidade, no mnimo.
Não a rotina que nos muda. Somos ns mesmos que devemos dar, muitas vezes, um passo para trs, aceitando com humildade uma proposta de autocorreção, para que dois passos sejam dados, finalmente, para frente.